OPERAÇÃO “BARATA VOA” NA MARANATA!

Até o momento, os promotores estaduais já identificaram cinco tipos de crimes: estelionato, formação de quadrilha, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e crime contra a ordem tributária.

As denúncias de compra de dólares aparecem até mesmo na investigação feita pela própria Maranata no final do ano passado. O argumento dos pastores, segundo os depoimentos, era de que o dinheiro serviria para ajudar os “irmãos no exterior”. Os valores eram levados para o exterior na mala dos fiéis.

Já os equipamentos de videoconferência teriam sido comprados nos Estados Unidos e no Paraguai e trazidos para o Espírito Santo de forma irregular, na mala dos fiéis.
http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2012/03/noticias/a_gazeta/dia_a_dia/1146308-crimes-federais-investigados.html

O agente público trabalha em órgão federal e intui que a movimentação de funcionários desvendando o crime. Contrabando! Escutas telefônicas, esquemas da quadrilha que inclui religiosos, quebra de sigilos e a montagem da operação policial (na “Operação Duty Free” descobriu-se o envolvimento de 16 dezesseis pessoas, pastores inclusive).

O cumprimento dos mandados de prisão, o escândalo e o espanto: “Como?! Nessa Obra não! Aqui é tudo por revelação!” Mas o Ministério Público Federal entra em cena, a Justiça Federal aceita a denúncia e outra SENTENÇA!

O desespero entrou no coração de muitos sofredores.
O mal já está determinado… e já vem.
Os retirantes enchem as estradas.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/11/fuja-crente-nao-seja-cumplice/

Publicado pelo Cavaleiro Veloz em http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/10/negocios-nebulosos-seguros/comment-page-1/#comment-20593

COMENTÁRIO DIGA NÃO ÀSEITA:

Eu sempre tive um curioso interesse nos nomes que se batizam as operações policiais.

Nomes de deuses gregos, de ramos da biologia, de personagens de filmes, e muitos ainda baseados em cenas e personagens bíblicas.

Todas as operações contam com agentes criativos, que, diante daquilo que observam nos procedimentos dos envolvidos, levam a uma série de raciocínios lógicos que fazem lembrar um detalhe, em uma espécie de insight, e aí pronto: sai o nome da operação.

Sobre o escândalo maranata, eu gostaria dar uma de agente público e tentar batizar essa “operação” com o nome “BARATA VOA”! Calma, eu vou explicar abaixo os motivos:

Vocês já viram um lugar infestado de baratas? Elas estão em uma verdadeira vida comunitária naquele local, mas uma hora ou outra, aparece uma para conseguir comida, e alguém mata, e depois outra, mas há o núcleo delas em algum lugar, ou em outras palavras, o NINHO.

Para acabar com essa peste, o remédio é inseticida, mas daquele especial, que acaba com os ovos da bicha. Se você usar um veneno que venha atacar somente as espécies adultas, essas irão morrer, mas em pouco tempo, outras emergirão dos ovos que já foram depositados naquele local, para que se consiga garantir a proliferação da comunidade, e a área, considerada favorável à instalação das mesmas, continue tomada por elas.

Aliás, falando sobre os ovos: já repararam como eles tem uma camada espessa para proteger o seu conteúdo? Por isso, o inseticida que penetre nessa camada, para que atinja o seu interior, é algo extremamente necessário, para que se consiga evitar a continuidade da infestação.

A barata é um bicho sujo, que anda em lugares mais diversos de podridão, esgotos, lixos, cemitérios, enfim, a presença desse inseto em sua residência pode indicar claramente que o ambiente não está bom, fugindo ao saudável.

Bem, na Torquato Laranja, foi estabelecido um ninho de “baratas”! Muitos sofreram com a infestação dessa peste, cujo agente é sujo e transmite “doenças”! Alguns tentaram usar inseticidas que atacam o bicho adulto, mas como havia vários ovos, a comunidade continuou crescendo, e se espalhando pelo mundo. Estranho pensar que o ES estaria exportando “baratas” para o exterior, mas na minha analogia é isso que ocorreu nesses quarenta e cinco anos, dentre outras coisas, naqueles que gerenciam a obra (por favor, excluo a membresia, no geral).

O modo de viver das baratas é próprio, e todas repetem sistematicamente esse tipo de vida, ligado à sujeira. Não tem como imaginar que uma dessas viva na limpeza, de forma alguma.

A questão dos containers em Belo Horizonte, a Operação Duty Frree, as saídas de pastores da cúpula, as diversas séries de reportagem na mídia capixaba, a Operação Entre Irmãos, os processos investigativos nos órgãos públicos, a destituição dos da cúpula administrativa, as prisões de pastores, nomeação de interventor, foram inseticidas sobre as baratas, que foram lançados de tempos em tempos, para que não se tenha mais a supremacia desse tipo de bicho, asqueroso, em um lugar que deveria prevalecer a limpeza, ou um termo que está bastante em voga, “ficha limpa”.

Mas, perceba uma coisa, que já falei, mas vou repetir: “É PRECISO MATAR OS OVOS DAS BARATAS”! O que seria isso na prática?

Bem, se você viveu tua vida toda dentro da maranata, é deixar de ser um sectarista, avarento, arrogante, faccioso, politiqueiro, falso, herético, apóstata, preconceituoso, discriminador, injusto, traidor, perseguidor, omisso, conivente, acomodado, acobertador, dissimulado, para que se consiga acabar definitivamente com essa praga de baratas, não incentivando a proliferação dessas práticas.

Se você se enquadra nisso tudo do parágrafo anterior, é melhor você tomar um rumo diferente na tua vida, meu caro, do contrário poderá vir uma carga de inseticida enorme, e você poderá ser tragado. E se você não se enquadra no perfil acima, toma uma postura mais firme, e aja, não aceitando esse tipo de coisa em um lugar que o administrativo sempre se confundiu com o eclesiástico, e não adianta dizer que vive ou viveu experiências maravilhosas, que tudo é perfeito, uma benção, sendo que foi Deus que te concedeu isso tudo e não o homem, e perceba que a grande maioria das orientações que você segue, nessa obra, não vem de Deus. A questão então, para muitos, resume-se em receber bençãos de Deus, e adorar e seguir uma denominação, e/ou os homens que nela estão, colocando essas coisas sobre um pedestal inatingível de pureza, santidade, verdade, transparência, e infalibilidade, maiores que o próprio abençoador! isso é idolatria! Acorda!

Bem, agora entrando no ponto mais específico do nosso batismo, “OPERAÇÃO BARATA VOA”, quem já presenciou, sabe, que ao ser lançado o veneno no foco de infestação de baratas, as bichas pulam, voam, saltam, e depois é só verificar, passado um certo tempo, que o chão fica todo tomado de baratas mortas.

É pertinente portanto o batismo dessa operação completa de ataque aos inescrupulosos da seita maranata, para que haja uma chance do ambiente ficar limpo.

É portanto recomendável que todos contribuam para esse fim, senão os ovinhos das baratinhas vão começar a ser escondidos em outro canto, e aquela sociedade somente migrará de um lugar para outro, com algumas perdas no meio do caminho, apenas isso!

Pense nisso!

Fica a dica: COMBATA OS OVOS DAS BARATAS, que existem dentro da maranata e não as BARATAS em si!

Fiquem todos com a Paz do Senhor Jesus!

Alandati.

Anúncios

6 Respostas para “OPERAÇÃO “BARATA VOA” NA MARANATA!

  1. Pingback: A iniquidade permanece…·

  2. Pingback: igreja maranata – operação “barata voa” na maranata | a obra revelada da icm maranata·

  3. Pingback: igreja maranata – A iniquidade permanece… | a obra revelada da icm maranata·

  4. Meu caro irmao, achei muito pertinente e muito conveniente este artigo e a maravilhosa comparacao que fizeste desta seita com um ninho de baratas, pois eu sou da mesma opiniao e vou um pouco mais para frente: A SEITA, INSTITUICAO MARANATA DEVERIA DEIXAR DE EXISTIR! porque? porque ela continuara produzindo baratas ou seja o problema e tao profundo que tal como o pecado ele (doutrina) encarnou no interior da mente e moldou a forma dessa gente viver por isso que e tao dificil sair dela (i.c.m) devido a penetrante lavagem cerebral. As pessoas preferem viver no lixo dizendo: “o homem e falho e eu so olho pra Jesus” se esquecendo de uma das mais belas doutrinas biblicas que Paulo nos ensina: “SEDE MEUS IMITADORES COMO EU SOU DE CRISTO.” Por isso eu apoio que para o ambiente ser salvo o ninho tem que ser queimado, destruido, abandonado, derrubado, ATENCAO, so assim tal como o ODRE NOVO e capaz de reter o VINHO. Fiquem na paz. Herley Lopes o Ressucitado

  5. Pingback: A iniquidade permanece…·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s